Parque Nacional de Chapada dos Guimarães

7
489
Parque Nacional de Chapada dos Guimarães

Parque Nacional de Chapada dos Guimarães

O Parque Nacional de Chapada dos Guimarães, fica na cidade de Chapada dos Guimarães é um município de Mato Grosso com população estimada de 19.588, área de 6.611,785 km², segundo o IBGE.

A cidade abriga o Parque Nacional da Chapada dos Guimarães reconhecido mundialmente por seus relevos e belezas naturais.

Com 46 sítios arqueológicos e 33mil hectares o parque abriga de pinturas rupestres à ossadas de dinossauros do período Jurássico.

Localização

No centro-sul do estado de Mato Grosso, a cidade de Chapada fica há 60km de distância da capital Cuiabá. Está a uma altitude de 811m, sendo o segundo município mais alto do estado.

Como chegar

Partindo da capital é possível ir pela Rodovia Emanuel Pinheiro (MT – 251) que exige um pouco da atenção do motorista. Apesar de possuir um trecho duplicado, em sua maioria é de pista simples e sem acostamento.

Os trajetos podem ser feitos de carro em até menos de uma hora, mas se preferir pode ir de ônibus.  A partir da rodoviária de Cuiabá, a cada 1h30min sai um ônibus em direção a Chapada dos Guimarães.

Ingressos

A entrada para o Parque Nacional de Chapada dos Guimarães é gratuita, mas para se aventurar entre as grutas, rios e cachoeiras é necessário a presença de um guia, segundo a administração do parque.
Existem áreas que não precisam de um guia, como ir há alguns mirantes, rios e quedas d’águas à beira da estrada.

Onde ficar

Com a Copa no Brasil em 2014, o setor hoteleiro ganhou forças e aumentou, as opções vão desde hotéis cinco estrelas em Cuiabá, até pousadas e hostels simples em Chapada dos Guimarães.  Em Chapada os hotéis tomam conta do centro da cidade e algumas pousadas em fazendas e mirantes e devem ser verificados com antecedência. Há também outras possibilidades como opções mais baratas e modernas como casas e quartos para alugar em aplicativos como o AirBnb.

Histórico

A história de ocupação dessas terras remete diretamente as bandeiras que percorreram o pais buscando pedras preciosas e mão-de-obra barata. As descobertas na região permitiram o surgimento de alguns aglomerados que mais tarde se transforam em um uma região povoada. Mais tarde foram surgindo fazendas e mineradoras, isso entre séculos XVII e XVIII.
Na segunda metade do século XVIII a corte portuguesa preocupada com a concorrência que aumentava na região criou a cidade. O nome então surgiu por conta de parte do terreno pertencer a família Guimarães.
Para mais informações o site da prefeitura de Chapada traz mais detalhes.

Atrações

Para os amantes da natureza, o que não faltam são opções turísticas em Chapada dos Guimarães. E se, as vistas dos belíssimos paredões de arenito vermelho impressionam de longe, de perto você se encanta.

Após um longo período fechado a Salgadeira, um dos principais pontos turísticos foi reaberto.

Houve também o surgimento da prática de esportes naturais como: birdwatching, rapel, rafting e muito mais.

A feirinha da praça

Um ponto tradicional da cidade é a feirinha de artesanatos que acontece na praça Don Wunibaldo, principal praça da cidade. É um verdadeiro charme, com o clima super agradável e vista para a Igreja Nossa Senhora de Santana do Sacramento.

feirinha da praça

Parque Nacional de Chapada dos Guimarães

Véu da Noiva

Na entrada do Parque Nacional de Chapada dos Guimarães chega-se ao mirante que dá vista a cachoeira acesse a entrada no km 50 da estrada e percorra uma trilha de 550m. Apesar de ser rústica de madeiras e terra, com alguns declives, o caminho é justificado pela vista.

A cachoeira é formado pelo rio Coxipozinho e é considerada uma das mais belas do país.
A vista é espetacular e conta com um adicional, a presença de araras vermelhas, que ficam voando pelo local.

Cachoeira dos Namorados e Cachoeirinha

Pelo mesmo acesso que visita o Véu da Noiva você pode visitar essas duas cachoeiras que são autoguiadas próximas. Elas são formadas pelo córrego da Piedade e pelo rio Coxipozinho.

O local é muito frequentado os locais são destinos certos para um bom banho e piqueniques.

É necessário o preencher um Termo de Conhecimento de Risco ou acessar o site do Ecobooking e fazer uma reserva.

Circuito das Cachoeiras

Circuito das cachoeiras no Parque Nacional de Chapada dos Guimarães

O Parque Nacional de Chapada dos Guimarães também é composto por seis cachoeiras, o circuito é formado pelo córrego Independência que inclusive dá nome a uma delas, as demais são: 7 de setembro, Pulo, Degraus, Prainha e Andorinhas, com verdadeiras piscinas naturais nas duas últimas. Todas são liberadas para banho exceto a Cachoeira Independência, conhecida como Cachoeira dos Malucos.

Ao todo o caminho tem aproximado 6km de ida e volta, levando em média 5 horas de duração. Como não possui comércios no trajeto é necessário levar alimentação sem esquecer de sacolas para recolher o lixo. Além da presença de um guia cadastrado.

Observação: Não confundir circuito das cachoeiras com Circuito Águas do Cerrado.

Para conhecer mais sobre o circuito acesse aqui.

Casa de Pedra

Uma grande gruta que servia de proteção para índios, bandeirantes e segundo alguns relatos, até de escravos. O lugar já foi utilizado em gravações de novelas como a abertura da novela Fera Ferida produzida em 1993.
O acesso pode ser feito por quem visita o Morro de São Jerônimo ou no Circuito das Cachoeiras.

Morro de São Jerônimo

Um dos pontos mais altos do Parque de Chapada dos Guimarães, com 800m de altitude.
Para chegar até lá, é preciso passar por uma caminhada de aproximadamente seis horas que inclui uma pequena escalada.

Cidade de Pedra

A cidade possui a semelhança a ruínas de um castelo, por conta de suas formações rochosas. Com uma bela vista do Vale do Rio Claro, é possível ver bandos de araras vermelhas sobrevoando o local.

O trajeto é feito pela MT 251, sentido capital deve-se percorrer por 10, virar à direita na rodovia MT 020, que leva até o distrito de Água Fria, após 10km virar à esquerda por mais 8km até chegar a placa de estacionamento rotativo.
Por conta das condições das estradas é recomendado o uso de um veículo 4×4 e o acompanhamento de um guia.

Vale do Rio Claro

O local é muito indicado para trilhas, e inclui subida à Crista do Galo, e banhos nos poços da Anta e Verde, os dois no Rio Claro.

Também existem outras atrações no entorno do Parque que são muito conhecidas como: Trilha Águas do Cerrado, Cachoeira da Martinha, Cachoeira da Geladeira, Cachoeira do Marimbondo, Mirante Alto do Céu, Caverna Aroe Jari e Lagoa Azul, Trilha do Matão.

Relevo e clima

A região fica na borda do Planalto Central Brasileiro, caracterizada por grandes encostas de arenito vermelho que ficam entre os 600 e 800m de altitude.
O clima é tropical (quente semiúmido) sendo duas estações definidas, uma de chuvas que corresponde a primavera e verão e outra de seca no outono e inverno.

Fauna e flora

Há cerca de 400 espécies de animais já reconhecidas pelo parque, dentre elas figuram animais como a onça-pintada, araras, lobo-guará e jaguatirica.
A flora não fica para trás e atrai pesquisadores de todos os cantos, para descobrir mais sobre a vegetação do Parque. Dentre as arvores mais encontradas estão a lixeira, peroba, jatobá, sucupira, pau-santo, pau-terra, miricis.

Problemas e ameaças

O monitoramento de focos de incêndio no Parque Nacional de Chapada dos Guimarães continua sendo um desafio, que demanda acompanhamento continuo. Sem o apoio ou dedicação dos órgãos e institutos de preservação ficam difíceis tomar conta do local. Por conta disso ações de prevenção e dicas de como preservar o espaço natural são fundamentais e periódicas.
Outro problema que a região enfrenta são as atividades agrícolas, atividades garimpeiras, pecuária e crescimento desordenado resultado da falta de regularização fundiária.

Fontes

*https://cidades.ibge.gov.br/br
*http://www.icmbio.gov.br/portal/ultimas-noticias/20-geral/10141-parques-do-brasil-
*visita-a-chapada-dos-guimaraes
*http://www.icmbio.gov.br/parnaguimaraes/guia-do-visitante.html
*http://www.icmbio.gov.br/parnaguimaraes/
*https://www.penaestrada.blog.br/como-chegar-a-chapada-dos-guimaraes/
*https://www.chapadadosguimaraes.mt.gov.br/a-prefeitura/demografia
*http://ambientes.ambientebrasil.com.br/unidades_de_conservacao/artigos_ucs/chapada_dos_guimaraes.html
*http://www.wikiparques.org/wiki/Parque_Nacional_da_Chapada_dos_Guimar%C3%A3es#Aspectos_naturais

7 COMENTÁRIOS

  1. […] Guia Completo sobre Chapada dos Guimarães [Atualizado 2021] Blog de viagem Cidade de Pedras Chapada dos Guimarães 5 lugares para conhecer em Chapada dos Guimarães. O que fazer em Chapada dos Guimarães com Guia de Turismo Caverna Aroe Jari e Gruta da Lagoa Azul Circuito das Cachoeiras em Chapada dos Guimarães Casa de Pedra Goiás Velho, conhecendo a Cidade de Goiás Caverna Kiogo Brado Circuito Águas do Cerrado Onde comer em Chapada dos Guimarães? Parque Nacional de Chapada dos Guimarães […]

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui